sábado, 16 de fevereiro de 2008

Luciana

Confesso que sou um consumidor das revistas FHM e Maxmen. Sou-o em 2ª mão, porque meu filho é quem as lê primeiro,mas sou, e como tenho um filho com 20 anos, posso inclusivamente usá-lo como desculpa no caso de ser apanhado por minha mãe ou minha sogra a cometer o “pecado” de estar a ver uma “revista com mulheres nuas”. Não esqueçam, que eu sou da geração que viveu toda a sua juventude com o trauma (que me marcou para o resto da vida) de viver num país que não tinha “categoria” para ter a sua própria edição da Playboy. Ou seja, esse tal Hugh Hefner achava que Portugal não tinha mulheres com beleza suficiente para preencher a capa das revistas durante mais que 3 ou 4 edições. Na década de setenta a ideia que esses tipos tinham da mulher portuguesa é que ela tinha bigode. Pois agora Sr. Hefner, não temos, nem queremos, ter a Playboy portuguesa, mas temos duas, repito duas revistas que todos os meses nos apresentam belos exemplares femininos, nados e criados aqui no burgo (claro que não dizemos ao Hugh que são quase sempre as mesmas, a Merche já apareceu 47 vezes, a Diana chaves outras 30, com irmã e sem irmã...a próxima será com uma prima, a Liliana Santos, a Matadinho..e mais umas quantas).
Acontece, caros amigos, que em Fevereiro se dá a transferência do ano no mundo editorial: a Luciana Abreu transferiu-se da TV 7 dias para a FHM...e logo para a capa. Uma lufada de ar fresco. Para quem não sabe, a Luciana Abreu é quase a mesma pessoa que fazia de Floribela (aquela personagem atrasada mental, que vestia de um modo atrasado mental numa novela de atrasados mentais). Digo “quase a mesma pessoa” porque a nova Luciana tem mais 2 kilos.... de silicone. Abençoados kilos. Nessa edição da FHM, aparece-nos uma Luciana sensual, madura, bonita, boa como o milho.
Li, passados 3 dias, que a SIC a tinha despedido pelo facto de ela ter aparecido “naquela figura” na FHM. Não sei quem a despediu, mas posso calcular. Foi a mulher do Director de Programas da SIC... por pura ciumeira. Podem vir agora com a argumentação que a Luciana com este novo “look” já não é querida pelos miúdos. Eu gostaria de fazer o seguinte teste: agarrava num puto de 10 ou 11 anos e mostrava-lhe duas fotos, uma com a Floribela e outra com a Luciana Abreu na capa da FHM, e gostava de saber qual delas ele gostava mais. Se dissesse que era da Floribela, e fosse meu filho, levava logo um par de galhetas e estava no dia seguinte no consultório de um psicólogo qualquer. De pequenino é que se torce o pepino...

8 comentários:

blueminerva disse...

Caro Nuno,
Consta que a Floribella é agora Floripêga... e parece que a moça descobriu que existem príncipes hiper rijos.

Um abraço

Nuno disse...

Cara blueminerva,
Nunca atinei com a monarquia e isso dos hiper rijos é já uma saudade, mas que prefiro a Floripêga à Floribella, lá isso prefiro. Quantas vezes...

Um Abraço

Shinobi disse...

Nuno,

estou completamente do teu lado! Que se dane a Floribela, a malta quer é a Floripêga!

Já agora sugiro que a Luciana, com o novo look, faça uma versão da Floribela para adultos. Só lhe ficava bem, eh, eh, eh!

Se tivesse um filho que preferisse a Floribela ou fosse do Benfica, eu simplesmente punha-o pela porta fora (estou a bricar...)!!!

Nuno disse...

Jorge,

Estamos de acordo, uma Floribela para adultos com a nova Luciana e podia entrar a Merche, a Diana..e a Soraia, obviamente. Estaria todos oa dias em frente à TV e veria, pela 1ª em 25 anos, uma telenovela.
Em relação a um filho que preferisse ver a Floribela e com a camisola rosa do Benfica vestida....não ia para o psicólogo...eu é que teria que ir para um psiquiatra...(onde é que eu tinha falhado???)
Um Abraço

Su disse...

gostei de passar por aqui

voltarei

jocas maradas

Nuno disse...

Su
E eu gostei que tivesses gostado.

Aparece sempre, nem que seja para um chá.
Como viste, também já passei por aí.
Beijos

Saúl Dantas disse...

Sinceramente não tive oportunidade de ver as fotos da Luciana Abreu (até porque sou assinante da GQ e, como tal, não a poderia trair) mas, pelo que vi na capa da revista, parece-me que esta rapariga tem atributos que lhe desconhecia.

PS: Gosto particularmente da ideia de se fazer uma série da Floribela para adultos, já agora com a Soraia Chaves a fazer de governanta e a Isabel Figueira a lavar chão...

Nuno disse...

Saul,

Já tem título e tudo, vai chamar-se FLORIBOMBA....estamos a recolher assinaturas para entregar na Assembleia da Républica para a série ser obrigatória. Não te esqueças de asssinar, o Jorge já assinou 432 vezes, e eu outras 678.

Vamos nessa...
Um Abraço